Archive for the ‘vs Brasil de Pelotas’ Category

Ficha Técnica: Ceará 2 x 1 Brasil de Pelotas

Cearápédia
Ceará vence Brasil de Pelotas, de virada, e se aproxima do G4;
Crédito: www.cearasc.com/Lucas-Moraes
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Vozão Ceará 2 x 1 Brasil
Campeonato Brasileiro Série B de 2017
Vozão
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição (Tournament): Campeonato Brasileiro Série B de 2017 – 25ª Rodada
• Data (Date): Sábado, 23 de Setembro de 2017, 19:00 hs (de Brasília)
• Estádio (Stadium): Plácido Aderaldo Castelo “Castelão”, Fortaleza/CE
• Público (Attendance): 6.292 pagantes – Renda: R$ 56.886.00
• Árbitro Principal (Referee): Raphael Claus/SP
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Alex Ang Ribeiro/SP
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Alberto Poletto Masseira/SP
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Glauco Nunes Feitosa/CE
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Raul, aos 15’/2º Marlon, aos 11’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-1 Leandro Carvalho, aos 20’/2º 1-0 Misael, aos 40’/1º
2-1 Ricardinho, aos 31’/2º
Ceará Sporting Clube Brasil Esporte Clube de Pelotas
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Éverson
02 Tiago Cametá
33 Rafael Pereira
13 Luiz Otávio
06 Romário
17 Raul (Maikon Leite)
88 Pedro Ken
45 Lima
90 Lelê (Ricardinho)
36 Leandro Carvalho (Richardson)
99 Élton
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Eduardo Martini
02 Ednei (Éder Sciola)
03 Leandro Camilo
04 Evaldo
06 Marlon
05 João Afonso
08 Itaqui
10 Rafinha
07 Cassiano (Calyson)
11 Misael (Elias)
09 Lincoln
Técnico: Marcelo Chamusca Técnico: Clêmer
03
04
07
08
10
12
22
26
30
35
40
77
Tiago Alves
Valdo
Jackson Caucaia
Ricardinho, no Intervalo
Felipe Menezes
Diego Franco (gk)
Cafu
Richradson, aos 38’/2º
Pio
Rafael Carioca
Arthur
Maikon Leite, aos 28’/2º
12
13
14
15
16
17
18
Carlos Eduardo (gk)
Nirley
Éder Sciola, no Intervalo
Nem
Calyson, aos 38’/2º
Elias, aos 32’/2º
William
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Ceará Adversário
0 x 1 2 x 1 1 x 1
• Com esse resultado o Ceará subiu para 0 quinto lugar;
• Ceará: Camisa listrada em Preto-Branco, Calção Preto e Meias Pretas (Topper);
• Brasil de Pelotas: Camisa Vermelha, Calção Branco e Meias Brancas;
• Veja ou Baixe a Súmula do Jogo do Site da CBF: www.cbf.com.br/sumulas.pdf/download
• Próximo Jogo: 26/09 – Santa Cruz x Ceará, estádio do Arruda, as 19:15 hs;
Brasileirão Série B Pts Jgs Vit Emp Der GP GC SG Pos
Givanildo Oliveira 12 9 3 3 3 9 9 0 12º
Marcelo Chamusca 29 16 9 2 5 23 17 6
Total Geral 41 25 12 5 9 32 26 6
Os 4 Primeiros: 1º Inter/RS (48) 2º América-MG (48) 3º Paraná (43) 4º Vila Nova (42)
Os 4 Últimos: 17º Figueirense (28) 18º Luverdense (28) 19º Náutico (20) 20º ABC de Natal (17)

.:: Galeria de Imagens ::.
Crédito: www.cearasc.com/Lucas-Moraes

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Football Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Ficha Técnica: Brasil de Pelotas 2 x 3 Ceará

Cearápédia
Com gol no apagar das luzes Ceará derrota Brasil de Pelotas fora de casa;
Crédito: www.globoesporte.globo.com/rs
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Brasil 2 x 3 Ceará
Campeonato Brasileiro Série B de 2017
Vozão
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição (Tournament): Campeonato Brasileiro Série B de 2017 – 6ª Rodada
• Data (Date): Sábado, 10 de 2017, 16:30 hs (de Brasília)
• Estádio (Stadium): Bento Freitas, em Pelotas, Rio Grande do Sul
• Público (Attendance): 1.026 pagantes – Renda: R$ 9.548,00
• Árbitro Principal (Referee): Rodrigo D. Alonso Ferreira/SC
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Carlos Berkenbrock/SC
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Helton Nunes/SC
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Eleno Gonzalez Todeschini /RS
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Leandro leite, aos 18’/2º Romário, aos 31’/1º
Rafael Carioca, aos 34’/2º
Felipe Menezes, aos 44’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-2 Lincon, aos 25’/2º 1-0 Rafael Pereira (cab), aos 5’/1º
2-2 Lincon (cab), aos 35’/2º 2-0 Artur, aos 16’/2º
3-2 Rafael Carioca, aos 44’/2º
Grêmio Esportivo Brasil Ceará Sporting Clube
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Eduardo Martini
02 Wender
03 Leandro Camilo
04 Evaldo (Teco)
06 Marlon
05 Leandro Leite
08 João Afonso
10 Rafinha (Elias)
11 Wágner
07 Bruno Lopes (Marcinho)
09 Lincon
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Éverson
02 Tiago Cametá
33 Rafael Pereira
13 Luiz Otávio (Valdo)
06 Romário
17 Raul
26 Richardson
35 Rafael Carioca
10 Felipe Menezes (Jackson Caucaia)
31 Roberto
40 Artur (Wallace Pernambucano)
Técnico: Rogério Zimermman Técnico: Givanildo Oliveira
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
Marcelo Pitol (Gk)
Nêm
Teco, aos 42’/2º
Itaqui
Breno
Marcinho, aos 14’/2º
Gustavo Papa
Rodrigo Silva
Aloísio
Elias, aos 17’/2º
Éder Sciola
Carlos Eduardo
04
07
11
19
20
27
30
70
Valdo, aos 34’/1º
Jackson Caucaia, aos 38’/2º
Magno Alves
Alex Amado
Wallace Pernambucano, aos 24’/2º
Fernando Henrique (gk)
Pio
Rafinha
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Ceará Adversário
0 x 1 2 x 2 2 x 3
• Com essa vitória o Ceará saiu do décimo primeiro para o sexto lugar;
• Esta foi a primeira vez que o Ceará venceu os gaúchos jogando em seu campo;
• Ceará: Camisa Branca, Calção Branco e Meias Pretas (Topper);
• Brasil: Camisa Vermelha, Calção Preto e Meias Brancas (Umbro);
• Veja ou Baixe a Súmula do Jogo do Site da CBF: www.cbf.com.br/sumulas.pdf/download
• Próximo Jogo: 13/06 – Ceará x Santa Cruz/PE, na Arena Castelao, as 21:30 hs;
Competição Pts Jgs Vit Emp Der GP GC SG Pos
Brasileirão Série B 10 6 3 1 2 6 4 2
Os 4 Primeiros: 1º Juventude (14) 2º Guarani (12) 3º Internacional (11) 4º Vila Nova (11)
Os 4 Últimos: 17º Boa Esporte (5) 18º Criciúma (4) 19º Luverdense (4) 20º Náutico (2)

Crônica do Jogo

Em um jogo cheio de reviravoltas nos 90 minutos, o Ceará confirmou uma vitória sobre o Brasil de Pelotas que parecia fácil em suas mãos. Depois de abrir 2 a 0, o Vozão cedeu o empate ao Xavante, mas buscou os três pontos nos minutos finais e garantiu o resultado com um 3 a 2. Rafael Pereira, Arthur e Rafael Carioca marcaram para os cearenses, enquanto Lincom, duas vezes, fez os dois gols xavantes. Arthur, inclusive, chorou e se emocionou após o gol por ser o substituto de Magno Alves, opção no banco.

Os primeiros minutos de jogo foram enganosos. Deram a impressão de um jogo empolgante, com chances de gol e qualidade técnica. Porque logo aos cinco minutos Rafael Pereira ganhou da marcação e desviou cobrança de escanteio para o gol, após cruzamento de Felipe Menezes. A bola ainda passou sob os pés de Wender ao lado da área.

A partir de então, o relógio parecia em câmera lenta. O jogo transcorreu com muitos erros de passe e sem grandes chances de perigo. O Ceará controlou a partida e sofreu pouco na defesa. Apenas em uma oportunidade, Rafinha desviou cruzamento de Bruno Lopes, para defesa tranquila de Éverson. A bola aérea, grande força xavante, não entrou. E o meia Wagner, responável por ser o centro técnico, não apareceu.

O Ceará, por outro lado, não precisou se expor muito. Buscava um contra-ataque, mas não conseguiu o encaixe para levar perigo a Martini. Ainda viu o zagueiro Luiz Otávio precisar ser substituído por dores na virilha.

No retorno do intervalo, o parâmetro da partida pouco se modificou. Em um erro na saída de bola do Brasil, Arthur ampliou para o Ceará. Recebeu dentro da área de Cametá e bateu cruzado forte, sem chance para Martini, quando o jogo batia em 15 minutos da etapa final. Ali, encaminhava uma vitória que parecia justíssima para o Vozão.

Mas o gol acordou os rubro-negros. Depois, Éverson precisou fazer três boas defesas, duas em lances de Wagner e uma em cabeçada do camisa 9 Lincom. A pressão xavante deu resultado quando o centroavante, estreante como titular, recebeu passe de Marlon e desviou na saída do goleiro rival aos 28 minutos.

Sem conseguir sair da defesa, o Ceará se viu encurralado. Sete minutos depois, em cobrança de falta, Éverson fez grande intervenção, após cabeçada de Evaldo, mas Lincom, no rebote, honrou a função e novamente parecia dar números finais ao jogo.

Parecia. Em nova reviravolta, Rafael Carioca quando o relógio já batia nos 44 minutos, arriscou de muito longe e surpreendeu Eduardo Martini. Em uma eficiência difícil de ser vista, o Ceará fechou uma vitória que esteve na mão, esteve distante, mas enfim foi confirmada.

Na sétima rodada da Série B, o Vozão enfrenta o Santa Cruz, no Castelão, na terça, às 21h30. Já o Xavante volta a atuar contra o Luverdense, na Arena Pantanal, no mesmo dia e horário. Com a vitória, os alvinegros chegaram aos 10 pontos e ficam na boca do G-4, em sexto. Já o Brasil, com oito pontos, é 11º; (Fonte: Globo Esporte)


.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Quer receber a súmula desse jogo? Deixe seu e-mail que mandarei pra você;
Do you want to get the scoresheet for this game? Leave your e-mail that I will send to you;

14/06/2016 – Série B – Ceará 3 x 0 Brasil de Pelotas

Cearápédia
Com três gols de Bill Ceará derrota Brasil de Pelotas e cola no G;
Crédito: www.cearasc.com/Foto/Christian-Alekson
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Ceará 3 x 0 Brasil-Pelotas
Campeonato Brasilerio Série B de 2016
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição (Tournament): Campeonato Brasilerio Série B de 2016 – 9ª Rodada
• Data (Date): Terça-Feira, 14 de Junho de 2016, 21:30 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Plácido Aderaldo Castelo “Arena Castelão”, Fortaleza, Ceará
• Público (Attendance): 5.844 pagantes (Total: 6.191) – Renda: R$ 32.626.00 reais
• Árbitro Principal (Referee): Nielson Nogueira Dias/PE (Especial CBF)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Bruno César Chaves Vieira/PE (CBF1)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Kildenn Tadeu Morais Lucena/PB (CBF2)
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): José Cleuton de Souza Lima/CE (CBF2)
Advertências | Cautions Advertências | Cautions
Leandro Camilo, aos 11’/1º (Falta)
Felipe, aos 20’/1º (Retardamento)
Wender, aos 47’/1º (Falta)
Felipe, aos 39’/2º (2 Amrelo)
Xáro, aos 49’/2º (Reclamação)
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Bill, aos 43’/1º
2-0 Bill, aos 43’/2º
3-0 Bill, aos 50’/2º (pênalti)
Ceará Sporting Clube G.E. Brasil de Pelotas RS
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Éverson
06 Eduardo (Marino)
03 Valdo
04 Charles
13 Thallyson
05 João Marcos ©
08 Richardson
11 Ricardinho (Tomas Bastos)
10 Felipe
18 Bill
09 Rafael Costa (Alex Amado)
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Eduardo Martini
02 Wender
03 Camilo
04 Teco
06 Marlon (Xáro)
05 Leandro Leite
07 Felipe
08 Washington
10 Clébson (Diogo)
11 Ramon
09 Nena (Nathan)
Técnico: Sérgio Soares Técnico: Rogério Zimermann
12
14
15
16
17
19
21
22
Douglas Dias (gk)
Lucas Gomes
Marino, aos 35’/2º
Tomas Bastos, aos 45’/2º
Robinho
Caio César
Zé Mário
Alex Amado, aos 17’/2º
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
Luiz (gk)
Fernando Cardozo
Brock
Nem
Xáro, aos 27’/2º
Marcão
Gallardo
Nathan, aos 14’/2º
Diogo, aos 27’/2º
Weltinho
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Time A Time B
1 x 0 2 x 0 3 x 0
# Campanha: 8 Jogos, 4 Vitórias, 1 Empate, 3 Derrotas, 15 Gols Marcados, 12 Gols Sofridos, 6º;
# Este jogou marcou o 100º jogo de Sérgio Soares no comando do vozão;
# Esta foi a primeira vitória do Ceará contra o Brasil de Pelotas em 3 jogos;
# Ceará: Camisa listrada em Preto-Branco, Calção Preto e Meias Pretas (Penalty);
# Brasil de Pelotas: Camisa Vermelha, Calção Branco e Meias Brancas;
# 4 Primeiros: 1º Vasco (22), 2º Atlético/GO (20), 3º Bahia (17) e 4º Náutico (16);
# 4 Últimos: 17º Bragantino (8), 18º Goiás (6), 19º Tupy (4) e 20º Sampaio Corrêa (4);
# Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/tempo-real
# Links Externos (External Links): www.esportes.opovo.com.br/esportes/ceara
# Links Externos (External Links): www.diariodonordeste.com.br/cadernos/jogada
# Site Oficial do Ceará Sporting Club: www.cearasc.com/o-mais-querido-do-estado

.:: Galeria de Imagens ::.
Cearápédia
os dois times perfilados para a execução dos hinos nacionais;
Crédito: www.globoesporte.globo.com/ce

Crônica do Jogo

Na noite desta terça-feira (14), o Ceará conquistou uma importante vitória na Série B do Brasileirão. Atuando no Castelão, a equipe comandada por Sérgio Soares aplicou 3 a 0 no Brasil de Pelotas, pela nona rodada da competição. Autor dos três gols, Bill foi o nome do jogo.

Com o triunfo, o Vozão sobe para o sexto lugar, com 16 pontos. Na próxima rodada, visita o Joinville, na sexta (17), às 19h15. Enquanto isso, o Xavante caiu para a oitava posição, estacionado nos 14 pontos. Também na sexta, os gaúchos têm novo compromisso no Nordeste: pegam o Sampaio Corrêa, às 21h.
Nos últimos minutos do primeiro tempo, Bill começa a brilhar

Nas duas equipes, houve novidades. Pelo lado mandante, o zagueiro Valdo estreou, formando dupla com Charles. No Xavante, Clébson começou como titular e Diogo Oliveira pela primeira vez virou opção no banco, mantendo a linha do técnico Rogério Zimmermann de poupar jogadores de maneira revezada.

Nos lances iniciais, já dando mostras do que viria pela frente em todo o restante do confronto, o Ceará teve a posse da bola. Postado em 4-2-3-1 utilizando o sistema de perseguições individuais, os gaúchos aguardavam possíveis contra-ataques pelos lados. A primeira finalização do jogo surgiu em cabeçada sem perigo desferida por Bill, oriunda de cobrança de escanteio. O Rubro-Negro aproveitava para lançar qualquer bola parada na direção da área, e Washington por pouco não desviou um levantamento realizado por Clébson.

Aos 16 minutos, uma boa trama ofensiva dos visitantes: Ramon recebeu lançamento de Marlon, ajeitou o corpo e cruzou para Nena. O camisa 9 percebeu a passagem de Washington e recuou para o chute do volante, mas a redonda saiu alta demais. As jogadas aéreas pareciam ser o caminho das pedras na partida. Aos 18 minutos, o lateral-direito Eduardo ergueu buscando Bill na área. Bem posicionado, o homem da referência alvinegra testou à esquerda de Martini.

Em seguida, Rafael Costa foi acionado na meia-lua e bateu forte por cima, assustando o Brasil. Não demorou nada para, em contra-ataque, Felipe Garcia ser lançado por Ramon. Em disputa na velocidade com Éverson, o goleiro do Vozão levou a melhor e afastou antes de cair no gramado sentindo dores. Tratando externamente o empate como bom resultado, o Xavante tinha a partida sob controle. Aos 33 minutos, Washington apareceu novamente completando uma jogada. Desta vez, mandou muito alto.

Na sequência, Rafael Costa levou perigo ao sistema defensivo vermelho e porto em outra oportunidade. Assim como na anterior, errou o alvo. Foi a partir daí que começou a pressão dos mandantes. Aos 41, Bill ganhou de Washington e cruzou rasteiro. Na segunda trave, Rafael Costa se jogou na bola mas não alcançou.

E, quando o cronômetro apontava 43 minutos, o Ceará saiu na frente. Após escanteio afastado parcialmente pela zaga xavante, Felipe ficou com sobra e arrematou firme de fora da área. No primeiro momento, Eduardo Martini espalmou, mas Bill aproveitou desatenção de Washington e tocou sutilmente para o barbante: 1 a 0.
Vozão completa placar com tranquilidade no fim

Com as duas equipes iguais, o segundo tempo começou com o Brasil buscando acelerar a partida pelas pontas. Logo aos dois minutos, Ramon avançou pela esquerda e cruzou rasteiro. Na intermediária, Clebson chegou batendo de perna direita mas pegou muito mal na redonda. Aos seis, pela terceira vez no jogo, Rafael Costa chutou por cima do gol xavante.

Ao contrário do cenário visto na metade inicial, os comandados de Rogério Zimmermann tomaram as rédeas do enfrentamento durante alguns momentos. Aos dez minutos, em falta frontal, Marlon soltou uma bomba e esbarrou em defesa segura de Éverson. Também em falta, o Ceará respondeu com Ricardinho. O destino do chute, entretanto, foi igual: as mãos do arqueiro. Aos 13, Clébson obrigou o camisa 1 adversário a voar para evitar o empate rubro-negro em pancada de fora da área.

Observando um time incapaz de assustar a defesa dos donos da casa, Zimmermann trocou Nena por Nathan, mandando Ramon para o centro do ataque. Como resposta, Sérgio Soares trocou Rafael Costa por Alex Amado, ex-Xavante. Na marca dos 25 minutos, Martini operou um milagre. Eduardo cobrou falta com perfeição, no ângulo esquerdo do goleiro. Irrepreensível no lance, o camisa 1 evitou a dilatação da vantagem do Vozão com uma intervenção de mão esquerda.

Novas trocas aconteceram no Rubro-Negro. Após muito tempo sem atuar, Xaro voltou a ter oportunidade ao entrar no lugar de Marlon. Clébson também saiu, cedendo espaço ao dono da posição, Diogo Oliveira. Aos 30 minutos, o canhoto lateral-direito Eduardo apareceu mais uma vez. Ao dominar, o camisa 6 puxou para dentro e finalizou para fora. À essa altura, já na reta final de partida, a alternativa rubro-negra era atacar com Ramon e Nathan, mas os dois acabavam sozinhos em boa parte das tramas ofensivas.

Já na parte final do duelo, Felipe Garcia deu uma rasteira no xará Felipe e foi para o chuveiro mais cedo, com justiça. Paralelamente à isso, o lateral-direito Wender, que havia saído de campo para receber atendimento, retornou ao gramado mancando. Quando o cronômetro marcava 43 minutos, a vitória alvinegra já estava sacramentada, mas Bill foi às redes de novo. Pela esquerda, Felipe fez bela jogada e cruzou para o centroavante finalizar com estilo: 2 a 0.

Aos 49, Marino invadiu a área do Brasil no que deveria ser o último lance do jogo. Porém, ao ser derrubado por Xaro, um pênalti foi assinalado pelo árbitro Niélson Nogueira Dias. Completando a noite iluminada, Bill deslocou Martini e fechou o placar: 3 a 0.
(Fonte: www.vavel.com)


.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com