Archive for the ‘vs Goiás’ Category

Ficha Técnica: Goiás 0 x 0 Ceará

Cearápédia
Ceará empata com Goiás, no Serra Dourada, e permanece no G4;
Crédito: www.cearasc.com/Rosiron Rodrigues/Goiás-EC
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Vozão Goiás 0 x 0 Ceará
Campeonato Brasileiro Série B de 2017
Vozão
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição (Tournament): Campeonato Brasileiro Série B de 2017 – 35ª Rodada
• Data (Date): Sábado, 11 de Novembro de 2017, 17:30 hs (de Brasília) 16:30 Fortaleza
• Estádio (Stadium): Serra Dourada, Goiânia, Goiás
• Público (Attendance): 4.901 pagantes (Total: 6.043) – Renda: R$ 31.945,00
• Árbitro Principal (Referee): Grazianni Maciel Rocha/RJ
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): João Luiz Coelho de Albuquerque/RJ
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Wendel de Paiva Gouveia/RJ
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Bruno Rezende Silva/GO
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Victor Bolt, aos 27’/1º Luiz Otávio, aos 16’/1º
Alex Alves, aos 11’/1º Raul, aos 34’/1º
David Duarte, aos 21’/1º Élton, aos 37’/2º
Pio, aos 45’/2º
Goiás Esporte Clube Ceará Sporting Clube
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Marcelo Rangel
02 Pedro Bambu
03 David Duarte
04 Alex Alves
06 Carlinhos
05 Victor Bolt
08 Elyerser (Andrezinho)
10 Léo Sena
11 Aylon (Michael)
07 Carlos Eduardo (Nathan)
09 Júnior Viçosa
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Éverson
30 Pio
33 Rafael Pereira
13 Luiz Otávio
06 Romário
04 Valdo (João Marcos)
17 Raul
08 Ricardinho
45 Lima
36 Leandro Carvalho (Roberto)
99 Élton (Magno Alves)
Técnico: Hélio dos Anjos Técnico: Marcelo Chamusca
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
Renan (gk)
Matheus Ferraz
Jéfferson
Péricles
Rezende
Thalles
Nathan, aos 41’/2º
Michael, aos 28’/2º
Andrezinho, aos 16’/2º
Matheus
03
05
10
11
22
27
31
40
Tiago Alves
João Marcos, aos 27’/2º
Felipe Menezes
Magno Alves, aos 37’/2º
Cafu
Fernando Henrique (gk)
Roberto, aos 31’/2º
Arthur
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Ceará Adversário
0 x 0 0 x 0 0 x 0
• Com esse resultado o Ceará manteve-se em terceiro lugar e só depende de si pra ter o acesso;
• Ceará: Camisa Branca, Calção Preto e Meias Brancas (Topper);
• Goiás: Camisa Verde, Calção Branco e Meias Verde (Umbro);
• Veja ou Baixe a Súmula do Jogo do Site da CBF: www.cbf.com.br/sumulas.pdf/download
• Próximo Jogo: 07/14 – Ceará x Paysandu, na Arena Castelão, as 20:30 hs;
Brasileirão Série B Pts Jgs Vit Emp Der GP GC SG Pos
Givanildo Oliveira 12 9 3 3 3 9 9 0 12º
Marcelo Chamusca 48 26 14 6 6 33 22 11
Total Geral 60 35 17 9 9 42 31 11
Os 4 Primeiros: 1º América-MG (66) 2º Inter-RS (64) 3º Ceará (60) 4º Paraná (59)
Os 4 Últimos: 17º Luverdense (40) 18º Santa Cruz (33) 19º Náutico (31) 20º ABC de Natal (31)
# ABC de Natal, Náutico e Santa Cruz foram rebaixados nesta rodada;

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Football Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Ficha Técnica: Ceará 0 x 1 Goiás

Cearápédia
Crédito: www.cearasc.com/Foto: Lucas-Moraes
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Vozão Ceará 0 x 1 Goiás
Campeonato Brasileiro Série B de 2017
Vozão
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição (Tournament): Campeonato Brasileiro Série B de 2017 – 16ª Rodada
• Data (Date): Sexta-Feira, 21 Julho de 2017, 21:30 hs (de Brasília)
• Estádio (Stadium): Plácido Aderaldo Castelo “Arena Castelão”, Fortaleza, Ceará
• Público (Attendance): 9.131 pagantes (Total: 9.653) – Renda: R$ 86.561.00
• Árbitro Principal (Referee): Cleisson Veloso Pereira/MG
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Marconi Helbert Vieira/MG
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Ricardo Junio de Souza/MG
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Avelar Rodrigo da Silva/CE
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Raul, aos 21’/1º Carlinhos, aos 18’/2º
Pio, aos 36’/2º Marcelo Rangel, aos 40’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Alex Alves (cab), aos 9’/2
Ceará Sporting Clube Goiás Esporte Clube
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Éverson
02 Tiago Cametá
04 Valdo
33 Rafael Pereira (Tiago Alves)
06 Romário
17 Raul (Roberto)
30 Pio
88 Pedro Ken
90 Lelê
22 Cafu (Magno Alves)
99 Élton
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Marcelo Rangel
13 Carlinhos
02 Matheus Ferraz
04 Alex Alves
16 Tony
25 Elyeser
05 Willians (Everton Sena)
23 Pedro Bambu (Carlos Eduardo)
33 Andrezinho (Tiago Luís)
09 Léo Gamalho
18 Júnior Viçosa
Técnico: Marcelo Chamusca Técnico: Argel Fucks
03
05
08
11
18
20
21
27
31
35
40
70
Tiago Alves, aos 33’/1º
João Marcos
Ricardinho
Magno Alves, aos 30’/2º
Túlio
Wallace Pernambucano
Felipe Tontini
Fernando Henrique (gk)
Roberto, aos 15’/2º
Rafael Carioca
Arthur
Rafinha
07
10
11
12
14
17
19
20
99
Carlos EDuardo, no Intervalo
Jean Carlos
Tiago Luis, aos 20’/2º
Ivan (gk)
Éverton Sena, aos 29’/2º
Jarlan
Michael
Léo Sena
Gustavo
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Ceará Adversário
0 x 0 0 x 1 0 x 1
• Marcelo Rangel defendeu um pênalti cobrado por Élton aos 30 do 1º tempo;
• Este jogo marcou a estréia de Argel Fucks no comando do Goiás Esporte Clube;
• Ceará: Camisa listrada em Preto-Branco, Calção Preto e Meias Pretas (Topper);
• Goias: Camisa Verde, Calção Branco e Meias Verdes;
• Veja ou Baixe a Súmula do Jogo do Site da CBF: www.cbf.com.br/sumulas.pdf/download
• Próximo Jogo: 28/07 – Paysandu/PA x Ceará, estádio Mangueirão, em Belém, as 21:30 hs;
Brasileirão Série B Pts Jgs Vit Emp Der GP GC SG Pos
Givanildo Oliveira 12 9 3 3 3 9 9 0 12º
Marcelo Chamusca 10 7 3 1 3 9 6 3 11º
Total Geral 22 16 6 4 6 18 15 3 11º
Os 4 Primeiros: 1º América-MG (30) 2º Guarani (28) 3º Juventude (27) 4º Vila Nova (26)
Os 4 Últimos: 17º Luverdense (17) 18º Figueirense (16) 19º ABC de Natal (12) 20º Náutico (8)

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Football Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

31/05/2016 – Ceará 2 x 1 Goiás

Cearápédia
Depois de duas derrotas Ceará volta a vencer jogando em casa;
Crédito: www.cearasc.com/Christian-Alekson
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Ceará 2 x 1 Goiás
Campeonato Brasilerio Série B de 2016
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição (Tournament): Campeonato Brasilerio Série B de 2016 – 5ª Rodada
• Data (Date): Terça-Feira, 31 de Maio de 2016, 19:15 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Plácido Aderaldo Castelo “Arena Castelão”, Fortaleza, Ceará
• Público (Attendance): 4.949 pagantes – Renda: R$ 24.391,00 reais
• Árbitro Principal (Referee): Bráulio da Silva Machado/SC (Asp. FIFA)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Henrique Neu Ribeiro/SC (CBF2)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Lorival Candido das Flores/RN (CBF2)
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Avelar Rodrigo da Silva/CE (CBF1)
Advertências | Cautions Advertências | Cautions
Felipe, aos 12’/1º Johnatan, aos 16’/1º
Tomas Bastos, aos 20’/1º Jhon Cley, aos 6’/2º
Baraka, aos 31’/2º
Alex Amado, aos 36’/2º
Bill, aos 47’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Felipe, aos 18’/1º 1-2 Thales, aos 31’/2º
2-0 Ramires (contra), aos 37’/1º
Ceará Sporting Clube Goiás Esporte Clube
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Éverson
02 Tiago Cametá (Thallyson)
03 Sandro
04 Antônio Carlos
06 Eduardo
05 Richardson
08 Baraka
10 Felipe (Marino)
11 Tomas Bastos (Alex Amado)
18 Bill ©
09 Rafael Costa
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Renan
02 Johnathan
03 Wesley Matos
04 Alex Alves
06 Jefferson
05 Wendel © (Thalles)
05 Willian (Jhon Cley)
11 Ramires
10 Léo Sena
07 Rossi (Cassiano)
09 Rafhael Lucas
Técnico: Sérgio Soares Técnico: Enderson Moreira
07
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
Alex Amado, aos 14’/2º
Douglas Dias (gk)
Thallyson, aos 15’/1º
Éwerton Páscoa
Marino, aos 28’/2º
Ricardinho
Robinho
Roni
Assiszinho
João Marcos
Zé Mário
Lucas
12
13
14
15
16
17
18
19
20
Ivan (gk)
Ânderson
Sueliton
Patrick
Cassiano, aos 35’/2º
Thalles, aos 29’/2º
Édson Júnior
Jhon Cley, no Intervalo
Murilo
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Time A Time B
2 x 0 0 x 1 2 x 1
# Campanha: 5 Jogos, 2 Vitórias, 1 Empate, 2 Derrotas, 9 Gols Marcados, 8 Gols Sofridos, P 11º;
# Ceará: Camisa listrada em Preto-Branco, Calção Preto e Meias Pretas (Penalty);
# Goias: Camisa, Calção e Meias Brancas com detalhes Verdes;
# 4 Primeiros: 1º Vasco (13), 2º Atlético/GO (12), 3º Brasil de Pelotas (10) e 4º Criciúma (10);
# 4 Últimos: 17º Bragantino (4), 18º Tupi (3), 19º Vila Nova (3) e 20º Sampaio Corrêa (1);
# Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/tempo-real
# Links Externos (External Links): www.esportes.opovo.com.br/esportes/ceara
# Links Externos (External Links): www.diariodonordeste.com.br/cadernos/jogada
# Site Oficial do Ceará Sporting Club: www.cearasc.com/o-mais-querido-do-estado

.:: Galeria de Imagens ::.
Cearápédia
Os dois times perfilados para a execução go hino nacional;
Crédito: www.globoesporte.globo.com

Primeira Vitória em Casa

Após dois tropeços em casa, o Ceará finalmente venceu diante de seu torcedor. Na noite desta terça-feira, o Vozão recebeu o Goiás, no Castelão, e venceu por 2 a 1.

O Ceará não deu chances para o Goiás no primeiro tempo do duelo. Aos 19 minutos, a zaga do Alviverde vacilou feio e Felipe aproveitou para colocar o Vovô na frente. Em uma noite infeliz dos defensores goianos, o Ceará ampliou, em gol contra de Ramires. Já na segunda etapa, o Goiás diminuiu com Thalles, em um belo gol de fora da área.

Com a vitória, o Ceará chegou a sete pontos na competição e subiu para a nona colocação. Já o Goiás estacionou nos cinco pontos e amarga a 15ª posição. Na próxima rodada, o Vovô encara o Sampaio Corrêa, enquanto o Alviverde enfrenta o líder Vasco, que segue invicto no Brasileirão Série B.

O jogo – A partida se iniciou com muita marcação. As duas equipes passavam mais tempo disputando bola no meio-campo do que armando jogadas ofensivas. Jogando em casa, o Ceará mostrava-se com mais gás. Aos sete minutos, a bola foi recuada para o experiente goleiro Renan, que viu o atacante Bill correndo em sua direção e deu um lindo drible no jogador do Vovô.

Aos 19 minutos, o maior volume de jogo do Ceará foi revertido em gol. Após bobeada da zaga do Goiás, Felipe saiu cara a cara com o goleiro Renan e, com calma, finalizou na saída do arqueiro: 1 a 0.

O Alviverde respondeu logo na sequência. Rossi recebeu e, bem posicionado, chutou cruzado para a defesa de Éverson. O time pareceu ter acordado depois do gol sofrido, mas não conseguiu criar muitas situações de gol. O Vovô ampliou em mais um vacilo da zaga goiana. Felipe recebeu de calcanhar de Bill e cruzou rasteiro, o volante Ramires foi cortar o lance e acabou mandando contra o próprio patrimônio.

Com 2 a 0 no placar, o Ceará apenas cadenciou a partida, e na volta do intervalo, se fechou. Com o Vozão na retaguarda, o Alviverde se lançou ao ataque. A primeira chance de perigo do segundo tempo saiu em uma bola parada. Após cruzamento, o zagueiro Alex Alves testou firme e quase mandou para o fundo do gol, mas o goleiro Éverson estava atento.

O técnico Sérgio Soares apostou na velocidade do atacante Alex Amado, que entrou no lugar de Tomas Bastos, com o objetivo de aproveitar os espaços deixados pelo meio-campo goiano. O jogo se desenhava para uma pressão do Goiás, que quase marcou seu primeiro gol em um chute de fora da área de Rafhael Lucas.

Aos 20 minutos, Renan ficou cara a cara com o atante Bill, que apertou a saída de bola, e o goleiro, após quase ir ao chão, conseguiu se recuperar.

Com uma partida mais aberta no segundo tempo, o Goiás chegava com condições de gol, porém, pecava na finalização. Na primeira chance que o Ceará teve de contra-ataque, Thallyson e Alex Amado tabelaram e quase chegaram ao ponto de finalizar, mas o zagueiro Wesley Matos desviou para escanteio.

Na cobrança de escanteio de Felipe, Antônio Carlos subiu livre e testou para fora, desperdiçando a oportunidade do terceiro gol. Se o Alviverde pecava em suas finalizações, aos 31 minutos, o chute foi certeiro. O meia Thalles recebeu bola na ponta da área e arriscou uma paulada, que morreu nos fundos da rede: 2 a 1.

O Goiás cresceu após o gol, que mostrou que o Alviverde ainda estava vivo na partida. Sem muitas preocupações defensivas, voltou a jogar com praticamente os 10 jogadores no campo de ataque. O Vovô, no entanto, soube manter a posse de bola, sofrendo faltas, e só esperar o árbitro apitar o final da partida. (Fonte: Gazeta Esportiva)


.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

19/09/2010 – Ceará 1 x 1 Goiás

Cearápédia
Marcelo Nicácio disputa jogada com a zaga goiana no empate no Castelão;
Credito: www.cearasc.com/galeria-de-imagens
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Ceará 1 x 1 Goiás
Campeonato Brasileiro da Primeira Divisão de 2010
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição: Campeonato Brasileiro Série A 2010 – 22ª Rodada
• Data: Domingo, 19 de Setembro de 2010, as 18:30 hs
• Estádio: Plácido Aderaldo Castelo “Castelão”, Fortaleza, Ceará
• Público: 19.417 pagantes (Total: 22.616) – Renda: R$ 223.145.00
• Árbitro: Nielson Nogueira Dias/PE
• Assistente 1: Elan Vieira de Souza/PE
• Assistente 2: Lorival Candido das Flores/RN
• Quarto Árbitro: Joaquim Webesther Florenço Martins/CE
Cartões Amarelos | Cartões Vermelhos Cartões Amarelos | Cartões Vermelhos
Camilo, aos 17’/2º Romerito, aos 29’/1º
Carlos Alberto, aos 44’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Oziel, aos 16’/1º 1-1 Wellington Monteiro, aos 41’/2º
Ceará Sporting Clube Goiás Esporte Clube
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
22 Michel Alves
02 Oziel
27 Diego Sacoman
14 Ânderson
23 Ernandes
05 Michel
08 João Marcos
07 Camilo (Heleno)
10 Geraldo ©
21 Misael (Tony)
34 Kempes (Marcelo Nicácio)
Go
Za
Za
Za
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Harlei
Valmir Lucas
Rafael Tolói
Ernando (Carlos Alberto)
Wendel Santos
Wellington Monteiro
Romerito (Everton Santos)
Bernardo (Wellington Saci)
Douglas
Rafael Moura
Felipe
Técnico: Dimas Filgueiras Técnico: Jorginho Amorim
06
17
20
31
32
36
99
Vicente
Heleno, aos 17’/2º
Luizinho
Tony, aos 24’/2º
Dionathan (gk)
Wellington Amorim
Marcelo Nicácio, no Intervalo
#
#
#
#
#
#
#
Wellington Saci, aos 8’/2º
carlos Alberto, aos 10’/2º
Éverton Santos, aos 14’/2º
Amaral (gk)
Jadilson
Pedro Henrique
Rithely
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Ceará Adversário
1 x 0 0 x 1 1 x 1
• Jogo válido pelo Campeonato Brasileiro da Primeira Divisão, Série A, de 2010;
• Ceará: Camisa listrada em Preto-Branco, Calção Branco e Meias Brancas (Penalty);
• Goias: Camisa Verde, Calção Verde e Meias Verdes;
• Dimas: 3 Jogos, 1 Vitória, 2 Empates, 0 Derrotas, 3 Gols Marcados e 2 Gols Sofridos;
• Estreantes no Ceará: Marcelo da Paixão Ramos Nicácio, Marcelo Nicácio;

.:: Galeria de Imagens ::.
Cearápédia
Em pé: Diego Sacoman, Misael, Ânderson, Kempes, Michel Alves e Geraldo;
Agachados: Camilo, Michel, Oziel, Ernandes e João Marcos; (cearasc.com)
Credito: www.cearasc.com/galeria-de-imagens

Crônica do Jogo:

Se o Goiás levar em conta apenas a tabela do Campeonato Brasileiro, um empate não é bom resultado a essa altura, na qual o time luta para fugir da zona da degola. Mas, neste domingo, pela 23ª rodada, o time esmeraldino buscou no fim o empate por 1 a 1 com o Ceará, jogando no Castelão, e ao menos somou um ponto longe de casa, que pode ser fundamental no fim das contas. (assista aos gols no vídeo ao lado).

O gol de Wellington Monteiro, aos 42 do segundo tempo, fez o Goiás subir para 21 pontos, mesmo número do Atlético-MG. Ambos estão a quatro pontos do Avaí, primeiro time fora da zona da degola, mas o Esmeraldino vem em boa sequência após o empate e uma vitória por 4 a 1 sobre o Botafogo, na quarta-feira. O Ceará, que tinha como objetivo voltar a sonhar com o G-4, foi para 30 pontos e está a oito do Botafogo, primeiro que se classificaria para a Taça Libertadores.

O jogo foi equilibrado, com cada time usando o que tem de melhor. Mais incisivo por estar jogando em casa, o Ceará explorou bastante as laterais com Oziel e Ernandes. O problema é que ambos insistiam em cortar para o meio quando tinham a opção de ir para a linha de fundo. Já o Goiás tinha mais força na jogada aérea com Felipe e Rafael Moura.

A equipe de Dimas Filgueiras trocava mais passes e dominava o meio-de-campo. O gol chegou aos 16 minutos quando um dos laterais resolveu aparecer como elemento surpresa no ataque. O atacante Misael caiu pela direita e Oziel avançou para a entrada da área. Na conclusão da jogada, Kempes rolou para o lateral-direito chutar com força, e de pé esquerdo, que nem é o bom dele. Seria uma defesa até tranquila para Harlei, mas a bola explodiu no peito do camisa 1 e foi entrando mansinha para o fundo das redes. O goleiro tentou buscar a bola, mas foi traído pela chuteira, que travou no gramado e fez com que ele escorregasse antes de tentar a defesa.

O gol sofrido, mesmo com a falha, não abalou o capitão Harlei e sua equipe. Para o segundo tempo, o técnico Jorginho fez alterações que mudariam o ritmo do Goiás. Acuado, o Ceará só conseguiu lances de perigo com o estreante Marcelo Nicácio, que havia acertado com o Fortaleza e acabou assinando com o maior rival.

Enquanto isso, Wellington Saci e Carlos Alberto, que substituíram Ernando e Bernardo, deram nova dinâmica ao meio-de-campo goiano, com toques rápidos e envolventes que confundiram a até então segura defesa do Ceará. Sempre na jogada aérea, Rafael Moura quase empatou em um lance de cobrança de falta.

O Goiás ganhava todas pelo alto e resolveu insistir na jogada. Michel Alves salvou o time da casa o quanto pôde, inclusive em uma cabeçada à queima-roupa de Felipe. Depois, o goleiro ainda contou com a sorte em uma bola no travessão cabeceada pelo mesmo Felipe. Michel chegou a desviar com a ponta dos dedos.

Dimas Filgueiras apostava nos contra-ataques puxados por Nicácio, Geraldo e Misael, mas esta jogada perdeu eficiência quando Misael foi substituído por Tony. Aí, a pressão goiana só aumentou.

O prêmio veio aos 42 minutos, em lance no qual Michel Alves não teve a menor chance de salvar o Ceará. De muito longe, Wellington Monteiro soltou a bomba e acertou o ângulo esquerdo do gol. Tento que fez a equipe esmeraldina sair de campo comemorando demais o resultado que, se não tira o time da zona de rebaixamento, ao menos mantém a sequência positiva de Jorginho. (Fonte: Globo Esporte)


.:: Vídeo da Partida ::.
.:: Imagens: youtube.com ::.

.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

27/05/2010 – Goiás 0 x 0 Ceará

Cearápédia
Misael disputa jogada com um zagueiro goiano no empate no Serra Dourada;
Credito: globoesporte.globo.com/Agência-Estado
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
Goiás 0 x 0 Ceará
Campeonato Brasileiro Série A de 2010
Ficha Técnica – Ceará Sporting Club
• Competição: Campeonato Brasileiro Série A de 2010 – 4ª Rodada
• Data: Quinta-Feira, 27 de Maio de 2010, às 21:00 hs (de Brasília/DF)
• Estádio: Serra Dourada, em Goiânia, Goiás
• Público: 2.309 pessoas – Renda: R$ 25.950,00
• Árbitro: Carlos Eugênio Simon/RS (FIFA)
• Assistente 1: Altemir Hausmann/RS (FIFA)
• Assistente 2: Roberto Braatz/PR (FIFA)
• Quarto Árbitro: Wellington Ferreira Branquinho/GO
Cartões Amarelos | Cartões Vermelhos Cartões Amarelos | Cartões Vermelhos
Nenhum Nenhum
Goiás Esporte Clube Ceará Sporting Clube
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
Rodrigo Calaça
Wendel Santos (Douglas)
Rafael Tolói
Ernando
Jadílson
Jonílson
Amaral
Hugo (Daniel Lovinho)
Bernardo
Everton Santos
Rafael Moura (Romerito)
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Diego
Oziel (Marcos Pimentel)
03 Fabrício
14 Ânderson
23 Ernandes
05 Michel
08 João Marcos
19 Marcos Careca
10 Geraldo (Eusébio)
21 Misael (Wellington Amorim)
09 Washington
Técnico: Emerson Leão Técnico: Paulo César Gusmão
#
#
#
#
#
#
#
Douglas Pereira, no Intervalo
Romerito, no Intervalo
Daniel Lovinho, aos 18’/2º
Pedro Henrique
Augusto
Túlio
Wellington Monteiro
#
#
#
#
#
#
20
Wellington Amorim, aos 26’/2º
Eusébio, aos 31’/2º
Marcos Pimentel, aos 33’/2º
Michel Alves (gk)
Jorge Luiz
Tony
Luizinho
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Ceará Adversário
0 x 0 0 x 0 0 x 0
• Com esse resultado o Ceará mantem-se invícto na competição;
• Ceará: Camisa listrada em Preto-Branco, Calção Preto e Meias Brancas;
• Goiás: Camisa Verde, Calção Branco e Meias Verdes;

Crônica do Jogo:

Nada de gols, no Serra Dourada. Na luta para fugir da lanterna, o Goiás recebeu o Ceará, que tinha a liderança do Campeonato Brasileiro ao seu alcance, mas as equipes ficaram no 0 a 0, nesta quinta-feira, em jogo marcado pela falta de ousadia e qualidade de ambos os lados, na quarta rodada da competição. Se alguém pôde comemorar, no entanto, foi o time do técnico PC Gusmão, que chegou a oito pontos e ocupa a quarta colocação da tabela. O esmeraldino, ainda na última posição, marcou seu primeiro ponto.

Diante da cautela dos visitantes, o time do técnico Leão mostrou alguma evolução ao longo da partida, mas foi o Vozão quem teve as melhores oportunidades. Os erros predominaram, no entanto. Em erros incríveis de seus atacantes, os visitantes desperdiçaram a chance de voltar para casa com os três pontos consquistados. Só o árbitro Carlos Eugênio Simon trabalhou menos que os goleiros, já que o jogo não teve sequer um cartão amarelo.

As equipes voltam a campo no domingo, às 18h30m. O Ceará recebe o Cruzeiro, no Castelão, enquanto o Goiás disputa o clássico com o Atlético-GO, no Serra Dourada.

Muito pouco se criou no primeiro tempo. Fora de casa, o Ceará se expôs pouco, confiando no contra-ataque, mas, com o Goiás misturando cautela com desorganização, o confronto se limitou a lances de bola parada e chutes de longa distância. Aos oito, em cobrança de falta da intermediária, Bernardo deu um susto no goleiro Diego, que mergulhou para a direita, mas viu a bola acertar a rede pelo lado de fora. Na sequência, aos 12, o ex-cruzeirense recebeu de Rafael Moura, invadiu a área, mas demorou a concluir, e o chute foi abafado pela defesa.

Os visitantes chegaram bem aos 19. Ernandes avançou pela esquerda, limpou a marcação e bateu cruzado, mas a bola saiu à esquerda de Rodrigo Calaça, tirando tinta da trave. Sem conseguir ameaçar o gol cearense, os meio-campistas alviverdes passaram a tentar jogadas individuais, mas, ao invés de servir os atacantes, acabavam cavando faltas na intermediária. Não demorou para que a torcida esmeraldina começasse a vaiar.

O único lance de real perigo da etapa inicial nasceu em uma falha de Rodrigo Tolói, aos 42. O zagueiro tentou cortar a chegada de Misael, pela esquerda, mas furou e entregou a bola no pé do atacante alvinegro, que chutou em cima da zaga. No rebote, Careca mandou uma bomba para o gol, obrigando Calaça a fazer bela defesa.

O Esmeraldino voltou para o segundo tempo com mudanças. Wendel Santos, um dos mais vaiados pela torcida na primeira etapa, deu lugar a Douglas, enquanto Romerito substituiu Rafael Moura, com Bernardo passando a jogar no ataque, ao lado de Everton Santos. O efeito quase pôde ser sentido de imediato. Logo no primeiro minuto, Everton Santos fez o cruzamento para Romerito, que desviou de cabeça, mas mandou pela linha de fundo. Os goianos mantiveram a pressão. Aos três, Hugo viu a defesa abrir, e arriscou de fora da área, mas o chute saiu fraco, fácil para Diego. Aos seis, o zagueiro Michel se antecipou e cortou cruzamento perigoso na área do Vozão.

Apesar do ânimo renovado, faltava qualidade aos donos da casa. Aos sete, Rodrigo Tolói tabelou com Romerito, no campo de defesa, avançou e tentou o lançamento, mas exagerou na força. Logo em seguida, Everton Santos avançou livre pelo meio e chutou de longe, à direita do gol. Aos nove, o Ceará reagiu. Em contra-ataque pela direita, Misael recebeu na entrada da área, avançou e bateu cruzado, mas Calaça fez mais uma boa defesa. Na base da persistência, a equipe do técnico Emerson Leão dava trabalho aos defensores visitantes, mas falhava no último passe.

Aos 21, Misael puxou o contra-ataque cearense pela esquerda e passou para Washington no meio. O atacante dominou, mas caiu, na disputa com o defensor goiano. A arbitragem mandou o jogo seguir, mas o alvinegro, que bateu com o rosto no chão na queda, precisou de atendimento médico fora de campo.

O excesso de erros quase custou caro para o Goiás. Aos 27, Misael foi lançado na direita, fintou a defesa e pôs Washington na cara do gol. O atacante tentou de primeira e perdeu um gol incrível.

Aparentemente satisfeito com o ponto conquistado fora de casa, o técnico PC Gusmão fez duas alterações no Ceará: Wellington Amorim no lugar de Misael, e Eusébio na vaga de Geraldo. Os cearenses ainda perderam mais uma chance clara de gol, quando Ernandes, desmarcado, pegou a sobra na área goiana, mas isolou, aos 35.

Os goianos ainda reclamaram de dois pênaltis não marcados: sobre Everton Santos, aos 37, e sobre Bernardo, aos 44. Mas a arbitragem mandou o jogo seguir. Sob fortes vaias da torcida esmeraldina, o goleiro Rodrigo Calaça ainda fez uma última defesa importante, aos 48, em contra-ataque veloz do Ceará, e chute de Eusébio, da entrada da área. (Fonte: Globo Esporte)


.:: Vídeo da Partida ::.
Imagens Globo Esporte

.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

%d blogueiros gostam disto: